O que é um roadmap?

Roadmap é uma ferramenta muito útil para gestores de produto. Com ele é possível planejar e comunicar a visão de futuro que vc tem para o seu produto. Veja abaixo alguns exemplos de roadmap.

Exemplo de roadmap de software

Exemplo de roadmap de software

Outro exemplo de roadmap de software

Outro exemplo de roadmap de software

Roadmap do Windows Server

Roadmap do Windows Server

Repare que nos dois primeiros exemplos de roadmap são apresentadas as funcionalidades que irão constar de cada versão do software e que são roadmaps de curto prazo, ou seja, mostram alguns poucos meses. Já no roadmap do Windows Server vemos uma visão mais macro, sem grandes detalhes, só que esse já é um roadmap de longo prazo, com quase uma década.

Ao preparar o roadmap de seu produto vc deve adequá-lo à sua audiência, ou seja, vc deve colocar mais ou menos detalhes a depender para quem você irá apresentar esse roadmap.

De quanto em quanto tempo tenho que atualizar o roadmap?

Se vc está em um time que utiliza boas práticas de engenharia de software, vocês estarão fazendo entregas frequentes e, ao fazer entregas frequentes vc terá bastante feedback de seus usuários sobre o software e as funcionalidades que vcs estão entregando. Isso provavelmente irá mudar seu roadmap pois quando seus usuários começam a usar uma nova funcionalidade eles terão novas sugestões para o seu software e, mesmo que vc não receba nenhuma sugestão, ao vê-los utilizando, vc provavelmente terá novas ideias para seu produto.

Se vc for um gestor de um produto de hardware, como um servidor, um notebook, um smartphone, um tablet, ou mesmo um sistema operacional para rodar nesses aparelhos, seu roadmap será bem menos flexível e muitas decisões deverão ser tomadas meses antes de o produto estar na frente do usuário.

Felizmente as entregas contínuas em produtos web permitem muito mais flexibilidade. É interessante ter um roadmap de um produto web de pelo menos 12 meses, mas não se esqueça que esse roadmap vai mudar frequentemente de acordo com o que vc e seu time aprenderem com os usuários do seu produto web e com a forma como o mercado reage às suas novidades. Por isso, a cada mudança de rumo, atualize seu roadmap e comunique todas as pessoas interessadas.

Devo guardar segredo sobre meu roadmap?

Muitas empresas publicam seus roadmaps para seus usuários e para o mercado, enquanto outras preferem guardar seu roadmap a sete chaves temendo que concorrentes copiem seus passos. Eu acredito que o roadmap de curto prazo (1 a 3 meses) deve ser conhecido pelos seus usuários, até para que eles possam dar feedback sobre esse roadmap. Já o mercado, vc pode responder de forma reativa, ou seja, quando perguntado, vc pode responder se está ou não no seu roadmap de curto prazo. Já o roadmap de médio e longo prazo (3 ou mais meses), não faz sentido ser divulgado, nem tanto para guardar segredo de seus concorrentes, mas porque há grandes chances de esse roadmap mudar e, se ele for público, com essas mudanças vc acabará frustrando seus usuários.

Cone da incerteza

O cone da incerteza é um conceito usado em gestão de projetos que descreve a quantidade de incerteza ao longo da vida de um projeto. No começo, pouco se sabe e a incerteza é grande. À medida que progredimos no projeto, aprendemos mais e a incerteza diminui. Pesquisadores da indústria de software chegaram a concluir que antes do início de um projeto de desenvolvimento de software a incerteza quanto ao tempo e ao custo de desenvolver esse software pode variar de 4 vezes a até 1/4 do inicialmente estimado.

Cone da incerteza

Cone da incerteza

Série completa de artigos sobre roadmap

Esse artigo faz parte de uma série de artigos que escrevi sobre o tema roadmaps. Confira a série completa:

Livro sobre gestão de produtos

Vc gosta do tema gestão de produtos de software? Quer se aprofundar mais no assunto? Escrevi um livro sobre o assunto, dividido em 5 grandes áreas:

  • Definições e requisitos
  • Ciclo de vida de um produto de software
  • Relacionamento com as outras funções
  • Gestão de portfólio de produtos
  • Onde usar gestão de produtos de software
Capa do Livro Gestão de Produtos

Esse livro é indicado não só para quem tem software como seu core business, como tb para empresas que desenvolvem software sob demanda e empresas que não tem software como seu core business mas usam software para se comunicar com seus clientes como, por exemplo, escolas, bancos e laboratórios clínicos.

Interessou? Então adquira sua cópia hoje mesmo!

Newsletter

Se você quiser receber artigos por email sobre startup, gestão de produtos e gestão de TI, digite seu endereço abaixo e aperte enter:


5 ideias sobre “O que é um roadmap?

  1. Pingback: Como fazer um roadmap? | Guia da Startup

  2. Pingback: Roadmap = motivação + métrica | Guia da Startup

  3. Pingback: O Que é Software De Gestão Comercial | Actual Percentil

  4. Pingback: OKRs, o futuro dos roadmaps | Guia da Startup e da Gestão de Produtos de Software

  5. Pingback: MEI #15: 4 dicas para não perder o foco do planejamento empresarial

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>